Get Adobe Flash player

Patrocinador


 Powered by Max Banner Ads 

Asbestose – Atelectasia redonda



O asbesto, também conhecido como amianto, é um mineral silicato fibroso, com grande flexibilidade e alta resistência térmica, cujas fibras resultam da fragmentação de cristais maiores e maciços. Vários minerais possuem características asbestifores, mas só seis tipos de fibras de asbesto são de uso industrial. Podem ser divididas em dois grandes grupos: o das serpentinas e o dos anfibólios.

O asbesto é, seguramente, um dos agentes químicos mais estudados.
Desde o final do século XIV vem sendo comercializado, e no início do século XX foram publicados os primeiros estudos sobre seus efeitos na saúde.
É muito difícil estimar o número de trabalhadores expostos ao as besto no Brasil e no mundo. Acredita-se que, de 1940 a 1979, cerca de 27,5 milhões de pessoas fo ram expostas ocupacionalmente nos EUA. o Brasil, em 1998, estimava-se que aproximadamente 300 mil pessoas trabalhassem no reparo
de freios e embreagens, com potencial exposição a fibras de asbesto.

De um modo geral, histórias ocupacionais acuradas, por meio de questionários estruturados e entrevistadores treinados, constituem o método mais prático e útil na avaliação da exposição ocupacional ao asbesto. Medidas da exposição devem ser empregadas na quantificação dos níveis de fibras
no passado, no ambiente e no posto de trabalho. A quantificação da exposição cumulativa, expressa em anos-fibras, é parâmetro relevante na avaliação de trabalhadores expostos ao asbesto.

O termo atelectasia redonda refere-se a uma forma de colapso pulmonar periférico que se apresenta na forma de massa, quase sempre em associação a alterações pleurais. Apesar de poder ocorrer em associação a inflamação pleural, decorrente de cirurgias, infecções ou traumas, a exposição ao asbesto é a etiologia mais comum de atelectasia redonda.

Na maior parte das vezes unilateral, ocorre principalmente nas regiões subpleurais dos lobos inferiores, geralmente adjacente a áreas de espessamento pleural. Contudo, pode ser bilateral ou surgir em outros locais, inclusive adjacente às fissuras ou ao diafragma.

Os comentários estão encerrados.

Consultoria

Make a Donation Button

Avalie o site

Avalie o site

  • Excelente (96%, 80 Votes)
  • Bom (4%, 3 Votes)
  • Ruim (0%, 0 Votes)
  • Pode melhorar (0%, 0 Votes)
  • No Comments (0%, 0 Votes)

Total Voters: 83

Loading ... Loading ...

+ acessados aqui

RSS CBR